Mais Populares

25 de julho de 2016

O fim da Nokia - A péssima união com Microsoft


Foi um tempo que Nokia foi pioneira no segmento dos celulares com seu sistema operacional Symbian, mas não foi com a mesma sorte que fez o mercado nos anos seguintes.

Já faz alguns anos que a Nokia começou utilizar apenas o Windows Phone em seus dispositivos celulares novos e mais recentes, mas isto está a um fio de ser quebrado, se é que já não foi, com um prejuízo que chegam a quase R$ 7 bilhões de reais.

A Nokia reportou que teve prejuízo de R$ 6,66 bilhões, desde que começou utilizar os celulares com o sistema operacional da Microsoft.

A ruína começou porque é obvio, ninguém gosta de ter um celular faltando aplicativos dos mais comentados, e não houve uma forma da Microsoft atrair usuários para sua plataforma, apesar da loja de aplicativos e todo esforço para conquistar usuários.

Leva-se em questão, que muitos dos aplicativos mais comuns para Android, não existem para Windows Phone, ou são simples demais (quando existem).

Para um celular barato, (na casa de até R$ 400) vale o preço se for comparar com um Android 2.3.7 por exemplo, onde a plataforma da Microsoft tem mais aplicativos disponíveis, mas, mesmo assim, deixam a desejar.

Nossa equipe testou o Windows Phone, e a quantidade de aplicativos que não funcionam é extrema, foram que o próprio Windows (versão 8.1) falhou em diversos momentos para rodar aplicações, e, tivemos que fazer uma restauração de fábrica para sanar problemas de comunicação com a internet, onde nem pelo 3G nem pelo Wi-Fi o celular funcionava.

Utilizamos um celular modesto, por quase 3 meses, e, de início superou nossas expectativas, tendo aplicativos mais tradicionais como Instagram, Facebook, Messenger, Whatsapp, Telegram, TuneIn, Waze, WeChat, Line, e até Nubank (com sérios problemas de travamento).

Sentimos muita falta de Snapchat, e de recursos de ligação de voz ou chamadas de vídeo (não existentes no Messenger e Whatsapp para a plataforma).

Também não é possível desativar animações ou trocar o endereço IP da rede wi-fi onde está conectado, assim como existe no Android.

O que nos anima, é que o celular ficou barato pelo o que ele fornece, e o uso de hardware foi bem customizado, mas nos deixava com raiva por exemplo ao utilizar aplicativos como o Uber, onde no Uber Pool, não há opções de alterar a quantidade de assentos, e no Nubank, que não há algumas opções que existem no Android, fora que tem que tentar abrir por quase 4 ou 5 vezes para ficar dentro do aplicativo sem voltar para a tela principal.



Outras fontes:
http://www.tecmundo.com.br/microsoft/83553-nokia-pesou-microsoft-teve-prejuizo-r-6-66-bilhoes-ultimo-trimestre.htm


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe seu comentário abaixo e curta Tutorial TI no facebook!