Mais Populares

15 de janeiro de 2013

Linguagens Web, qual a melhor?

Falando em linguagens para programação Web, encontramos diversas das quais atendem suas peculiaridades específicas, desde um simples servidor Web até uma plataforma de sistema distribuído de processamento paralelo de requisições trabalhando em um âmbito escalonável. 



Um site da Web considerável, com usuários, postagens, comentários, ou seja, interação entre usuários, precisa de banco de dados, então no quesito Web, o que mais devemos levar em consideração é o tipo do banco de dados, sua estrutura e sua geo-localização (se o site está em um servidor distante do banco de dados, tempos de acesso podem deixar o site lento).




Sites grandes atualmente fazem a sua programação em Java, por ser uma linguagem "fácil" de ser migrada para qualquer plataforma, seja Windows ou Linux, com a vantagem de expandir a JVM (Java Virutal Machine ou Máquina Virtual do Java) para vários computadores ao mesmo tempo.

Para uma pessoa física, o custo de um servidor Web para rodar páginas em JSP (Java Server Pages) tem um custo alto, então recomenda-se optar por uma linguagem mais difundida como PHP ou ASP.

O ASP possui várias versões, a mais básica chamada de ASP Classic, baseando na linguagem VBScript e JScript (não utilizado com frequência) e a nova versão chamada de ASP .NET, que utiliza a framework de desenvolvimento com uma grande variedade de componentes prontos para serem utilizados, podendo trabalhar em várias linguagens como C# (C Sharp).

O ASP Classic, apesar de antigo, é simples, escasso de componentes mas ao mesmo tempo fácil de ser manipulado e gerenciado pois seu código é derivado do Basic, que apesar de ser uma linguagem interpretada, não deixa de ser rápida comparando-se com outras linguagens que temos atualmente.

Ao contrário do que muitos dizem que não é bom utilizar linguagem antiga, vemos que profissionais atualmente que entendem COBOL são muito valorizados no mercado, assim da mesma forma acontece com o ASP Classic, que é suportado até no novo Windows (IIS8 no Windows 8 ou Windows Server 2012 pelo Technet).

Em fóruns pela internet, encontramos profissionais perguntando sobre o "final" do ASP Classic, porém o módulo do ASP e assim como aplicações do VB6 continuam funcionando, ao contrário dos programas feitos para .NET 1.0 ou ASP.NET 1.0, dos quais já não são suportados, devendo ser migrados para os novos padrões.

O PHP também tem sua vida sem crises, trabalhando melhor obviamente em servidores baseados em sistemas Unix Like, com a vantagem do software livre e gerido por uma comunidade de desenvolvedores que trabalham para que o mesmo suporte os mais divergentes tipos de aplicabilidade. Temos vários gestores de sites que trabalham nesta linguagem, o digamos mais popular: "WordPress".

Existem outras linguagens também que são tão rápidas e robustas quanto estas porém encontradas em poucos servidores (não é qualquer "Locaweb" da vida que encontrará com um preço bom), como Perl e Python.

Para ter ideia de como Python é "bom", o Google à utiliza em diversos de seus sistemas, incluindo a hospedagem do Google, o Google App Engine, onde permite-se hospedar sites apenas nas linguagens Java, Python e Go (um derivado do Python modificado para a infraestrutura do Google).

Fontes:

Um comentário :

Deixe seu comentário abaixo e curta Tutorial TI no facebook!